X

2 Anos

Diurno / Noturno

50 vagas

R$ 1.263,00

(1º termo)
* valor referente a 2020

Sobre o curso

Seja pelas dimensões territoriais ou influências culturais dos povos que constituem o Brasil, estudar Gastronomia hoje é uma excelente oportunidade de fazer uma viagem ao mundo apreciando bons pratos.

O curso de Gastronomia associa conteúdos teóricos a muitas aulas práticas. O curso privilegia muitos conteúdos relacionados a história e preparo de pratos, no entanto, outras disciplinas chamam muito a atenção dos alunos, como por exemplo, Segurança Alimentar, Bioquímica, Psicologia, Direito, Gestão de Pessoas e outras.

Mercado de Trabalho

As vagas para o profissional de Gastronomia estão em expansão no país, isso porque o setor gastronômico ganha cada vez mais espaço nas mídias, valorizando e formando uma cultura dos alimentos, sua apresentação e degustação.

Uma pesquisa realizada pelo Instituto Foodservice Brasil (IFB), afirma que os brasileiros gastam um terço da sua renda mensal com refeições fora de casa. Ou seja, é com vocês que eles irão se alimentar!

Outra pesquisa muito importante, realizada pela Associação Brasileira de Bares e Restaurante (Abrasel), afirma que o setor gastronômico gera um número expressivo de empregos. São mais de 6 milhões de vagas de trabalho anualmente.

Perfil

Depois de aprender sobre Administração, Marketing, Gestão de Custos, Gastronomia Hospitalar, Dietas Alternativas, Nutrição e outros conteúdos, o profissional formado no no curso de Gastronomia combinará competências, habilidades técnicas e muita criatividade no preparo dos alimentos.

O cozinheiro profissional poderá se dedicar a criação e montagem de pratos e cardápios exclusivos, atuar em empresas de segmentos variados, como por exemplo, bares, restaurantes, bufês, hospitais, resorts e outros. É possível ainda se dedicar exclusivamente a eventos ou quem sabe empreender no seu próprio negócios. Já imaginou você gerenciando uma padaria artesanal, um restaurante conceituado ou até mesmo mantendo seu food truck?

Últimas notícias

Valores Referentes a 2020

Período Termo Investimento
Diurno/Noturno R$ 1.263,00
Disciplinas Termo
Alimentos: tempo e estética 1
Projeto Integrador I 1
Técnicas Básicas de Gastronomia 1
Trilhas TIE I 1
Confeitaria 2
Cozinha Brasileira e seus Biomas 2
Gestão A&B e Eventos I 2
Panificação 2
Projeto Integrador II 2
Trilhas TIE II 2
Bebidas e Harmonizações 3
Cozinha Internacional I 3
Projeto Integrador III 3
Tecnologia dos Alimentos 3
Trilhas TIE III 3
Cozinha Contemporânea e Ecogastronomia 4
Cozinha de Criação 4
Cozinha Internacional II 4
Gestão A&B e Eventos II 4
Projeto Integrador IV 4
Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS(*)

(*) LIBRAS: Decreto nº 5626, de 22/12/2005. Disciplina optativa para turmas de, no mínimo, 30 alunos.

* Sujeito a alteração

NOTURNO
  1ª Aula
19h00
2ª Aula
19h50
3ª Aula
21h00
4ª Aula
21h50
2 ª feira Trilhas TIE II Trilhas TIE II Trilhas TIE II Trilhas TIE II
3 ª feira Cozinha Brasileira e seus Biomas Cozinha Brasileira e seus Biomas Cozinha Brasileira e seus Biomas
4 ª feira Confeitaria Confeitaria Confeitaria
5 ª feira Panificação Panificação Panificação
6 ª feira Gestão A&B e Eventos I Gestão A&B e Eventos I Gestão A&B e Eventos I

Ulisses Dias de Souza

Possui graduação em Desenho Industrial e também é formado no curso de Cozinheiro Chef internacional e Sommelier pelo SENAC (SP). Ulisses possui ainda especialização em negócios de alimentação. Tem experiência na área de Educação, como professor de Gastronomia, atuando principalmente nos seguintes temas: Habilidades Básicas de Cozinha, Cozinhas clássicas Italiana e Francesa, Cozinha Europeia, Cozinha do Mediterrâneo, Garde Manger e Cozinha Tailandesa. O professor desenvolve trabalhos de consultoria e treinamento em gastronomia.

Horário

de atendimento

agende um horário

  SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA
Manhã - - - 09h00 - 12h00 -
Tarde - 14h00 - 18h00 - - -
Noite 19h00 - 22h00 - - - -

Sistema de Avaliação de Aprendizagem

Frequência escolar
É condição para aprovação do aluno, a sua presença a pelo menos 75% (setenta e cinco por cento) das aulas e às demais atividades programadas. É vedado ao aluno o abono de faltas, salvo nos casos previstos em lei.
 
Aproveitamento escolar
O aproveitamento do aluno, no semestre, será aferido por meio de uma prova, individual e escrita,  expressa em nota com grau numérico variando de zero a sete mais a pontuação referente a outras atividades, a critério do professor,  valendo de zero a três, perfazendo um total de dez pontos, ou seja,  
Prova de 0 a 7,0 + atividades (0 a 3)
 
Critério de aprovação
Será aprovado o aluno que obtiver aproveitamento (nota da prova+atividades), no semestre,  igual ou superior a 7,0 (sete) e freqüência mínima de 75%. 
 
OBS:1) É promovido ao termo seguinte o aluno aprovado em todas as disciplinas cursadas, admitindo-se ainda a promoção com dependências.   
         2) Caso o aluno não atinja a nota 7,0 (sete) , no semestre, deverá se submeter a exame final conforme segue:
 
Exame final
O aproveitamento do exame final será expresso em nota com grau numérico variando de zero a dez.
O aluno com freqüência igual ou superior a 75% (setenta e cinco por cento) e com nota de aproveitamento, no semestre, entre 3,0 e 6,99,  deve submeter-se a exame final. A nota mínima para aprovação no exame será  a média 5,0 (cinco), resultante da média aritmética entre o aproveitamento do semestre (nota da prova +atividades) e o exame final, considerada a média de aproveitamento final.
 
Aluno aprovado
Exemplo: Nota da prova+ atividades,  no semestre= 6,0 (seis) 
                 Nota do exame final                               = 4,0 (quatro)
                 Total                                                       =10,0 : 2= média 5,0 (cinco) 
 
Média final = 5,0 (aprovado com a média mínima) 
 
Critério de reprovação
1) Independentemente dos resultados obtidos pelo seu desempenho, será considerado reprovado na disciplina o aluno que não tiver comparecido a pelo menos 75% (setenta e cinco por cento) das aulas e demais atividades.
 
2) Será considerado reprovado o aluno que obtiver aproveitamento (nota da prova + atividade), no semestre,  inferior a 3,0 (três).
 
3) Será considerado reprovado o aluno que, tendo realizado o exame final, não conseguir média cinco, nota mínima exigida para aprovação com exame final.
Exemplo: Nota da prova + atividades, no semestre = 6,0  (seis)
                 Nota do exame final                                 = 2,0   (dois)
                 Total                                                          = 8,0 : 2= 4,0 (quatro)                   
 
Aluno reprovado: Média final = 4,0 (não obteve média final mínima de 5,0, após a realização do exame final).
 
Prova repositiva
Ao aluno que deixar de comparecer a prova (0-7,0), é permitida a realização de uma prova repositiva de cada disciplina, por semestre, valendo de zero a 7,0 (sete),  desde que requerida dentro do prazo de 5 (cinco) dias úteis antes da sua realização, que ocorrerá ao final de cada  semestre letivo. A nota obtida nas atividades  (0-3,0) deverá ser somada nesse momento. 

Resolução CSA nº 01 de 19 de agosto de 2019

Tenho interesse